Fórum Aquariofilia Marinha Artigos Quarentena de peixes

Quarentena de peixes

Área para publicação e discussão de artigos avançados.
Mensagem 22/set/2014, 16:56

Grupo: Utilizadores Mensagens: 1047
Idade:
Localização: LISBOA
Parece-me bem.
Enviado pelo meu computador através dos meus dedinhos

Mensagem 25/set/2014, 04:01

Grupo: Utilizadores Mensagens: 560
Idade: 37
Localização: LISBOA - ODIVELAS
César Silvério Escreveu:
Olá a todos,

Aqui está um link para um artigo que ilustra como fazer de uma forma não muito complicada uma quarentena; embora não tenha novidades, pareceu-me útil colocar aqui este artigo sobretudo para os mais novos no hobby.

Eu pessoalmente não uso este método, uso a hipossalinidade, mas considero o método descrito neste artigo uma alternativa simples e até mais "completa", à hipossalinidade.

Espero que pelo menos para alguns tenha utilidade.

Abraço

http://www.advancedaquarist.com/blog/quarantining-marine-fish-made-simple

Ola César Silvério antes de mais parabéns pelo tópico muito interessante estou montando o meu sonhado reff mas muito lentamente e enquanto os euros não chegam para que eu pudesse montar mais rápido como gostaria vou lendo tudo aqui no fórum e tentando aprender o maximo, tenho um tópico do que estou montando aqui neste link caso queira dar uma olhada e umas opiniões e críticas agradeço
viewtopic.php?f=4&t=3469&p=35232#p35232

Mas a questão é que como me deparei con seu tópico achei o assunto de suma importância para manter a boa saúde de um aquário e acredito ter material suficente para fazer um sistema de quarentena só que quanto mais leio mais fico confuso então vou lhe dizer o material que tenho e se.puder me dar uma ideia do que faço agradeço

Bem eu tenho :

2 aquários de 20 litros com filtro interno aquecimento e filtro de esponja uso atualmente para camarões mas vão ser desmontados e pensei usar eles para quarentena ou TTM o que acha?

Tenho ainda outro de +/- 50 litros também com filtro iluminação e aquecimento
Os filtros tem ate mini siporax dentro

Gostava de una ideia pois estes aquários são mesmo como mostra no link que deixaste mas não tenho a mínima ideia de como fazer pois o link esta todo em inglês que nao percebo nada
Sei que não tenho o aquario montado mas já deixava as coisas arranjadas para a Hora h ne
Abraço!

Alessandro António Campos
viewtopic.php?t=3469

Mensagem 25/set/2014, 04:24

Grupo: Utilizadores Mensagens: 560
Idade: 37
Localização: LISBOA - ODIVELAS
César Silvério Escreveu:
Olá a todos,

Aqui está um link para um artigo que ilustra como fazer de uma forma não muito complicada uma quarentena; embora não tenha novidades, pareceu-me útil colocar aqui este artigo sobretudo para os mais novos no hobby.

Eu pessoalmente não uso este método, uso a hipossalinidade, mas considero o método descrito neste artigo uma alternativa simples e até mais "completa", à hipossalinidade.

Espero que pelo menos para alguns tenha utilidade.

Abraço

http://www.advancedaquarist.com/blog/quarantining-marine-fish-made-simple

bem ao abrir no pc o google traduziu a pagina agora vou ler melhor e ver se entendo mas gostaria de sua opiniao na mesma se não se importa de me dar alguma ideia :ymblushing:
Abraço!

Alessandro António Campos
viewtopic.php?t=3469

Mensagem 25/set/2014, 10:59

Grupo: Utilizadores Mensagens: 1047
Idade:
Localização: LISBOA
Olá Alessandro,


Penso que sim que qualquer um dos três serve para aquário de quarentena, dependendo naturalmente do tamanho e da quantidade de peixes a processar; durante a quarentena e à semelhança do que acontece com a água doce, é preciso estar muito atento à amónia.

Quanto ao TTM, penso que será mais prático usar 2 caixas de plástico, ou até baldes e ir transferindo os peixes nos intervalos determinados e desinfectando o balde usado anteriormente; como os peixes são mudados de três em três dias, não é necessário usar filtros, bastando usar uma bomba e um termóstato e ter atenção à amónia.


Quanto ao seu aquário, tenho vindo a segui-lo e penso que está bem aconselhado; só uma recomendação:
não poupe no equipamento; compre material e de qualidade e mais vale esperar algum tempo para arrancar, do que arrancar com material desadequado e depois ter que remontar tudo de início.


Abraço
Enviado pelo meu computador através dos meus dedinhos

Mensagem 29/jan/2015, 14:52

Grupo: Super Moderador Mensagens: 4463
Idade: 46
Localização: Torres Vedras
Boas,

César Soares Escreveu:
Depois uso o Praziquantel, tenilvet, para os parasitas (flukes e etc)

Se vir que aparece o amilodinium ou algo que não saiba o que é, uso então o malfadado cobre. Mas o da cupramine que é mais brando e igualmente eficaz.



Onde é que vocês arranjam estes medicamentos?

Abraços,
Rui
http://ricordeadream.blogspot.pt/

"Nothing good happens fast in a reef tank"
SPS= Stability Promotes Success

Mensagem 29/jan/2015, 15:43

Grupo: Utilizadores Mensagens: 1047
Idade:
Localização: LISBOA
Olá Rui,

Em algumas Farmácias e Clínicas Veterinárias.

Procura por Droncit, ou Tenilvet (mais barato); a JBL também tem um produto (Gyrodol) e a Sera também, mas são muito mais caros.

Abraço e quando puderes aparece.
Enviado pelo meu computador através dos meus dedinhos

Mensagem 14/mar/2020, 23:51

Grupo: Utilizadores Mensagens: 83
Idade: 38
Localização: Setúbal
Olá pessoal,

Vamos lá desenterrar um dos melhores tópicos que por aqui tenho lido (fora dos dedicados aos displays). Acho que a quarentena é de um valor incalculável num aquário de Reef.

Ao ler tudo isto fiquei com uma dúvida. Pareceu-me que falaram sempre de água salinada e nunca água natural para a quarentena/TTM.
Interpretei bem?
Qual o motivo?

Aproveito para deixar aqui um link para um método de quarentena aplicado nos **== e que tem sido altamente elogiado pela malta da Bulk Reef Supply entre outros canais do Youtube e que gostava de trazer à discussão.
Compreendo que há quem não goste da opção de medicar peixes que não apresentam sintomas de doença, mas a mim parece-me que o risco de não o fazer sobrepõe-se largamente aos riscos de aplicar uma quarentena medicada. Qual a vossa opinião sobre este método e sobre quarentenas medicadas?
Humblefish Quarentine Method

EDIT: Só agora é que fui abrir um dos links referidos anteriormente e vi que remete a um post do mesmo Humblefish, mas num fórum diferente. As minhas desculpas.

Um abraço,
Bruno Silva.

Mensagem 15/mar/2020, 18:24

Grupo: Utilizadores Mensagens: 1047
Idade:
Localização: LISBOA
Olá Bruno, bem vindo

O facto de ser referida água salinada , em vez de água natural, deve-se apenas ao facto de na altura a água natural ão ser tão acessível quanto é hoje, pois na altura não era comum encontrar lojas onde a comprar.

Quanto à medicação em quarentena, parece-me perfeitamente aceitável e desejável, seguindo as indicações do tópico que referiste.

Atenção à medicação em wrasses que são mais sensíveis aos tratamentos e até à hipossalinidade.

Abraço e bom começo.
Enviado pelo meu computador através dos meus dedinhos

Mensagem 16/mar/2020, 01:27

Grupo: Utilizadores Mensagens: 83
Idade: 38
Localização: Setúbal
Olá César,

Grato pela resposta.
Esclarecido quanto à água salinada Vs Natural. Eu vivo em Setúbal, pelo que a escolha recai naturalmente na água natural. :D

Em relação aos Wrasses, já tinha ouvido falar disso. Parece que tem que se ter muitíssimo cuidado com a dose do medicamento e nunca a exceder ou até tratar com doses mais baixas, ao contrário de outros peixes em que é possível tratar com doses mais agressivas. O autor do tópico que partilhei, o tal Humblefish, fala disso neste Live do canal de Youtube ReefDudes.

Alguém sabe onde (ou se) se consegue arranjar o Copper Power, que ele fala no tópico? Que alternativas temos em PT? Cupramine, e mais?

Um abraço,
Bruno Silva.

Mensagem 16/mar/2020, 16:40

Grupo: Utilizadores Mensagens: 1047
Idade:
Localização: LISBOA
Olá Bruno,

Quanto a tratamentos à base de cobre, penso que há vários; eu felizmente há muito que não uso, mas da ultima vez usei o Cuprazin da Waterlife.

Encontras facilmente este aí perto de ti, em Coina, na Fish Planet, ou em Lisboa na Aquaplante.

Mas quase todas as marcas têm produtos à base de cobre.


Quanto à quarentena, como estás a pensar fazer?


Abraço
Enviado pelo meu computador através dos meus dedinhos

Mensagem 16/mar/2020, 17:49

Grupo: Utilizadores Mensagens: 83
Idade: 38
Localização: Setúbal
César Silvério Escreveu:
Olá Bruno,

Quanto à quarentena, como estás a pensar fazer?


Olá César,

Por enquanto, e até achar que há uma melhor alternativa, penso seguir o protocolo indicado pelo Humblefish Quarantine Method:

"Option A - Fish is floated in the bag for 20-30 minutes (to temperature acclimate) and then released into QT with matching salinity. QT is predosed with one of the following:

1. Copper Power at 1.0 ppm, verified using the Hanna Instruments High Range Copper Colorimeter (HI702). Over the next 48 hours, slowly raise your copper level to 1.5 ppm in gradual increments. Then take another 48 hours to raise it to 2.0 ppm. You are now at a safe therapeutic copper level. Add to this metronidazole. If using 100% metronidazole powder, dose 25 mg per gallon. Otherwise follow the maximum dosing instructions for whatever product (e.g. Seachem Metroplex) you are using.

(...)

The above prophylactically treats most parasites if held at a therapeutic concentration for 30 days. Therefore, it is important to test your copper level frequently. If the level drops below therapeutic (1.5 ppm is the minimum for Copper Power) even slightly, the 30 day clock restarts after you've raised it back up. Therefore, when doing a water change dose any new water with copper or Chloroquine before it is added to the tank. After 30 days you can perform water changes and/or run carbon, Cuprisorb, poly filter, etc. to remove the medication(s).

It is now time to move on to deworming your fish. Two options for doing this: API General Cure or Prazipro. Dose once, and in 5-7 days do a 25% water change and dose again. (Or use this treatment calendar to determine when is the best time to add the second dose.) The reason for the second dose is to eradicate the “next generation” of worms before they can lay eggs of their own. Because while Prazi does kill worms, it doesn’t eliminate any eggs they might leave behind. You can technically mix General Cure or Prazipro with copper, but only General Cure can be safely combined with Chloroquine. The risk associated with combining medications is a bacterial bloom (cloudy water) which can starve oxygen out of the water. To alleviate this risk, always point a powerhead towards the surface of the water or run an air stone on high whenever mixing medications.

After 30 days in copper or Chloroquine + being dewormed, your fish should be observed in non-medicated water for at least another 2 weeks. This is to ensure the treatments you applied were successful, and also observe for less common diseases (more info below)."

Com as devidas alterações ao nível de medicamentos utilizados, penso ser um protocolo fácil de aplicar e que aparenta ter provas dadas nos States.
Obviamente estou aberto a outras sugestões, alternativas ou ajustes. Felizmente o atraso na montagem do sistema permitiu-me ter tempo para fazer um estudo ainda mais exaustivo das minhas alternativas a todos os níveis. Sendo que a ideia de Quarentenar resulta exactamente deste estudo.

Abraço,
Bruno Silva.

Mensagem 17/mar/2020, 12:18

Grupo: Utilizadores Mensagens: 1047
Idade:
Localização: LISBOA
Olá Bruno,

Penso que essa quarentena é correcta e quase à prova de bala, mas parece-me muito complicada, embora quem sou eu para pôr em causa o Humblefish...

Na minha opinião isso é demasiado trabalhoso e fará com que qualquer "ser humano normal", vá aliviando o processo de cada vez que vá introduzir um novo peixe: "desta vez talvez não valha a pena..."

Para além disso, parece-me demasiado trabalho, para quem seguramente vai no futuro introduzir rocha, água de TPAS, frags, corais, etc., sem passarem por esse tratamento; como sabes qualquer coisa que entre no aquário pode fazer entrar parasitas e outros.

Sugiro que estudes/adaptes um processo mais simples e menos trabalhoso, mas aprovo em absoluto algum tipo de quarentena que te defenda dos problemas mais comuns.

Abraço


Ps: a propósito de uma conversa que vi no WhatsApp, acerca de não filtrar a água natural, mais um conselho: passa-a sempre por um filter bag de 5 microns para não encheres o aquário de pragas (doenças, aiptasias, esporos disto e daquilo,etc.)
Enviado pelo meu computador através dos meus dedinhos

Mensagem 17/mar/2020, 14:27

Grupo: Utilizadores Mensagens: 83
Idade: 38
Localização: Setúbal
Olá César,

Vou continuar a avaliar o processo de quarentena para chegar a uma conclusão que seja viável para mim. Eventualmente até poderei fazer a primeira desta forma e chegar à conclusão que não consigo acompanhar o processo ou que é muito trabalhoso.

César Silvério Escreveu:
Penso que essa quarentena é correcta e quase à prova de bala, mas parece-me muito complicada, embora quem sou eu para pôr em causa o Humblefish...


Não se trata de pôr em causa ninguém... ;) Apenas trouxe esse exemplo à discussão como amostra de um método que parece bem aceite e com provas dadas nos States.

César Silvério Escreveu:
Ps: a propósito de uma conversa que vi no WhatsApp, acerca de não filtrar a água natural, mais um conselho: passa-a sempre por um filter bag de 5 microns para não encheres o aquário de pragas (doenças, aiptasias, esporos disto e daquilo,etc.)

Fui eu que levantei essa questão no Grupo do Fragário do Norte, se é a isso que te referes. Fiquei bastante admirado por não aplicarem filtragem. Pensava que seria procedimento comum, após uma conversa que tive com o Luís Rodrigues lá na ReefMais.
Na água natural o meu maior receio são exactamente os esporos de algas. Obrigado pelo teu conselho. ^:)^

Um abraço,
Bruno Silva.

Anterior

Voltar para Artigos



cron